"Não precisa ser lido.Mas necessita ser escrito!"

segunda-feira, janeiro 17, 2011

"- Tem que crescer filha!"

É, ouvi essa frase pela milionésima vez essa semana!
Ai eu fico pensando, será que minha mãe nunca teve 13 anos, ou 15, ou 17, ou 21.. será que todos os erros (se é que ela os cometeu) foram propósitais apenas para ter uma vaga experiência para me alertar?
Bom, ae esta.. Minha mãe quaaase cinquentona (e linda, devo informar) pede para que essa sua filha de 21, ops.. quero dizer 22 anos crescer.. Como se fosse fácil!
Quando eu tinha 10 anos brincava de boneca, com 15 tive a minha primeira festa legal (tirando a de um ano de idade que durou 3 dias, mais essa foi mais para os meus pais e amigos), aos 16 queria ter 18 logo, e quando vi já estava com 20, e derepende estou quase fazendo 23 anos O_o (nossa, isso me assusta!)
É claro que a culpa da rebeldia do mundo é dos pais, isso é inegável, tbm como é óbvio que não é somente dos pais, nós filhos queremos cometer os próprios erros, mais isso não funciona quando o seu pai te alerta do que virá pela frente, isso nos assusta, não nascemos com 30 anos, a fase de CRESCER é constante.
Eu sei, devo estar me inrrolando toda, é que isso talvez me irrita um pouco. Meus pais brigam tanto comigo pelas minhas escolhas erradas, mas quando eu tinha 15 eu era muito nova pra sair, com 16 eu não podia, com 17 era perigoso, com 18 era irresponsável, com 19 era velha demais, com 20 chutei o balde, com 21 o balde entalou no meu pé, e agora tá preso no meu sapato --' Bom, isso quer dizer que eu tive minha hora, mas que não pude (ou até não soube aproveita-la) , a verdade e que os filhos tem culpa em não passar a devida confiança para os pais, mas os pais tbm tem , por não confiar nos filhos.. ou então, confiar tarde de mais.
Hoje eu não tenho mais os privilégios que eu tinha, viver na manha, acordar tarde, ser sustentada pela mamãe, e isso me faz falta. Como tbm não tenho mais meus amigos do 'colegial' pra me chamar pra comer uma pizza por ae, eu tive esse tempo, mais ele me foi cruelmente roubado. Então, aos 20 anos me dei conta de que me privei de tudo (tá, quase tudo) pra não desagradar, e acabei me desagradando, e metendo os pés pelas mãos, portanto um conselho de uma filha que não deseja que o filho dos outros passem por isso: as fases são para ser contempladas, vividas e depois guardadas na memória. Elas passam, como passa tbm a vontade de errar frequentemente. Claro que não se deve largar o filho por ae e deixa-los fazer o que querem (muitos dos meus amigos são assim,  sentem falta - isso é real- de uma linha dura dos pais), mas tbm não devemos priva-los de viver o que deve ser vivido por eles.
Os pais devem sim ficar de olho em seus filhos, mas, mais do que isso, devem ser os amigos que seus filhos procuram na rua, e eles vão ter esses amigos (se Deus quiser, pq isso é bom e faz bem), mas devem estar por dentro da vida dos seus filhos como personagens da história, e não apenas plateia, você não pode ajudar a contracenar se vc estiver assistindo, se for plateia, vai apenas aplaudir, ou vaiar. E isso é muito pouco para PAIS.
Portanto, crescer contradizendo o que eu disse no começo do texto não é uma fase, crescer fato, e para que haja crescimento é preciso superar as fases (que existem - de formas diferentes- por toda a sua vida), aproveitar a vida e saber que errar uma vez com certeza é humano, errar duas é perdoável, mas erras três é pura burrice.
Todos temos que crescer! Filhos saibam ouvir seus pais, e pais.. saibam falar com seus filhos.. Ai sim, poderam cobrar alguma coisa..
é, foi mais um desabafo, espero que tenha ficado bom, eu gostei *_*
e sobre mim, tenho crescido a cada dia, com um pouco de receio de perder tudo, mas, para você que tbm sofre com isso, tudo o que você viveu é seu, e ngm pode tirar isso de você. Evolua. Cresça! Faz bem para seus pais, mas principalmente para você.
aah, e não pule degraus, eles são feitos para que se vá devagar, de um em um (ano a ano) você chega lá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário